Tradutor online: run from it or go for it?

Traducao ingles portugues frances

Neste artigo mostramos que o tradutor online é uma ferramenta útil, pois oferece um direcionamento quanto ao conteúdo do texto. Mas ele tem sido utilizado para traduzir documentos e textos importantes, levando a erros críticos. Pior ainda, ele dá a impressão de que o texto faz sentido, e portanto dificulta que correções sejam feitas.

A popularização do acesso à internet obviamente levou ao crescimento da utilização dos serviços por ela proporcionados. E isso inclui um aumento expressivo do do número de usuários de ferramentas digitais como o tradutor online. Os tradutores desse tipo são legião, e o Google tradutor e o Microsoft Bing tradutor são apenas os mais conhecidos.

Esse fenômeno não surpreende: com mais usuários online é de se esperar mais pessoas usando ferramentas como o tradutor online. Mas há outra questão a considerar. Opções como o tradutor online antes eram reservadas para tarefas menores, isso é, textos curtos e de utilização informal. A sua popularização tem estendido o seu uso a áreas que seriam difícil supor, como textos acadêmicos, documentos e contratos.

Portanto, esse fenômeno é movido por dois fatores principais. De um lado, o aumento expressivo do número de usuários do tradutor online. E, de outro lado, uma utilização mais frequente dessas ferramentas, por esses mesmos usuários.

Essa popularização do tradutor online tem levantado muitos questionamentos quanto à efetividade dessa ferramenta. É verdade, ele oferece ao seus usuários comodidade e a tradução gratuita de textos. Mas, por outro lado, ele é responsável pela proliferação de erros de tradução. Consequentemente, muitas vezes eles custam caro aos interessados, financeiramente e em termos pessoais e profissionais.

Vale a pena usar um tradutor online? Honestamente, depende

Neste post, nós discutimos o funcionamento do tradutor online, e as consequências do uso inadequado dessa ferramenta digital. Nós argumentamos que um uso efetivo desse tipo de tradutor depende de uma consideração do valor do documento/texto em questão.

Mesmo um tradutor online como o Google tradutor, que é produto de uma grande corporação, é uma ferramenta em desenvolvimento. Portanto, os tradutores online são ferramentas inacabadas, e que não se prestam a um serviço isento de erros. Consequentemente, seu uso deve ser reservado a textos que não são realmente importantes. Isso é, textos nos quais os erros de forma e conteúdo não implicam consequências negativas significativas para seus autores.

Como consequência, um tradutor humano que conhece a fundo os idiomas e a temática do texto, ainda tem seu espaço. Mais que isso, esse profissional ainda é indispensável quando o assunto é sério. A ele deve ser confiada a tradução de textos e documentos importantes, isso é, que desempenham um papel significativo nos objetivos pessoais e profissionais do autor.

Uma pequena história do tradutor online

O chamado tradutor online pertence ao grupo das tecnologias de tradução automática ou machine translation. A ideia de uma máquina ou tecnologia para realizar traduções automatizadas povoa nossa imaginação desde pelo menos o século XVII. Por essa época, o filósofo francês René Descartes tentou elaborar uma linguagem universal por meio de ideogramas. Esses ideogramas (imagens) representariam as diferentes ideias humanas compreensíveis a todos, independente de seus idiomas. Por isso, essa linguagem permitiria automatizar a comunicação humana.

Contudo, por séculos essa ideia foi tema mais de ficção científica do que de projetos concretos. Os primeiros passos nesse sentido foram provavelmente dados por Andrew Booth, nos anos 1940.

Pouco depois, Warren Weaver publicou seu trabalho seminal Memorandum on Translation (1949). Esse trabalho teve papel decisivo no estabelecimento da tradução automática como um campo de pesquisa respeitado. Como consequência dele, uma série de trabalhos acadêmicos pioneiros passaram a explorar as possibilidades de desenvolvimento de tecnologias desse tipo.

O desenvolvimento de um tradutor automático, contudo, esbarrou durante muito tempo em limitações tecnológicas. É verdade, progressos importantes foram sido feitos por meio de sistemas mecânicos e dos primeiros computadores. Mas foi o computador pessoal (o PC) que possibilitou maior avanço e a proliferação das tecnologias de tradução automatizada.

Nos anos 1990, essas tecnologias chegaram à internet. O primeiro foi o sistema Systram, e na sequência surgiu o BabelFish, do motor de buscas AltaVista. Este último rapidamente de popularizou, e se tornou o primeiro tradutor online a atingir o grande público.

Existe um bom tradutor online? Os tradutores online como ferramentas inacabadas

Todo tradutor online busca emular o mesmo procedimento de tradução em duas etapas realizado por um tradutor humano. Este, consiste na decodificação do sentido de um texto, e depois na recodificação do sentido desse texto no outro idioma. Esse processo, embora simples de ser descrito, envolve tarefas cognitivas de notável complexidade. De fato, ele vai além da identificação do significado de cada palavra em um idioma, e a conversão dessas palavras para o idioma de destino da tradução.

Uma boa tradução envolve a análise do funcionamento conjunto dessas palavras em uma mesma unidade linguística. Ela envolve também conhecimentos profundos das gramáticas dos idiomas envolvidos na tradução. Isso inclui a sintaxe e a semântica nesses idiomas, incluindo o vocabulário específico do tema do texto que se quer traduzir.

É justamente na realização dessas tarefas cognitivas refinadas que o tradutor online costuma deixar a desejar. O avanço da tecnologia dessa ferramenta ainda não consegue reproduzir com qualidade tarefas relativamente simples para um tradutor humano experiente, como a interpretação do sentido de uma frase.

Como funciona um tradutor online?

O método de todo tradutor online é a substituição das palavras em um idioma, por palavras equivalentes no outro idioma. Esse método é competente em criar traduções formadas cujas palavras individualmente apresentam sinonímia com suas correspondentes no texto de origem.

Mas na maior parte dos casos ele não é capaz de criar textos corretamente traduzidos. Obviamente as palavras do texto de destino devem expressas os sentidos das palavras do texto original. Mas, no todo, o texto de destino deve expressar corretamente o sentido objetivado pelo autor no texto de origem.

Esse fenômeno é exacerbado pelo fato de que as palavras que compõem o vocabulário em uma língua frequentemente são polissêmicas, isso é, apresentam uma diversidades de sentidos diferentes, e pelo fato de que muitas vezes os diferentes sentidos de uma palavra em uma língua são expressos por uma diversidade de palavras distintas em uma outra língua.

Para ficar em um exemplo simples, o termo manga em português indica uma fruta e uma parte de uma camisa, e em inglês esses dois sentidos são expressos respectivamente por mango e sleeve. Como consequência desses dois fenômenos, muitas vezes o tradutor online utiliza termos no idioma de destino que não explicitam o sentido desejado pelo autor no texto de origem, e cumulativamente as palavras no texto de destino podem se encontrar desconectadas umas das outras. O resultado são palavras e frases que não reproduzem com fidelidade os conteúdos do texto de origem.

Tradutor online e computer-aided translation

Com o passar do tempo, novas tecnologias têm sido progressivamente integradas à formula do tradutor online, com a finalidade de lhe permitir identificar padrões de comunicação (como por exemplo análises estatísticas, técnicas neurais, análises de tipologia linguística) e a presença de expressões idiomáticas.

Alguns tradutores online inclusive têm adotado outro mecanismo de funcionamento chamado tradução por rede neural artificial. Esse tipo de tecnologia busca levar em consideração frases inteiras do texto durante a tradução, e desde 2016 tem sido implementado por algumas empresas, primeiro quanto à língua inglesa e gradualmente em relação a outros idiomas (em português, por exemplo, ele não está disponível). Essas novas tecnologias têm melhorado o funcionamento das ferramentas de tradução online, mas o avanço que elas têm proporcionado é bastante limitado.

O tradutor online, portanto, permanece uma ferramenta inacabada, que pode auxiliar o tradutor a automatizar parte de seu trabalho e com isso ganhar em produtividade, mas dificilmente como uma ferramenta independente ou autônoma.

Na realidade, existem outras tecnologias de tradução do tipo machine translation, voltadas a tradutores profissionais, que são mais eficazes e eficientes do que o tradutor online comum, como o Google tradutor e o Bing tradutor. Apesar de sua sofisticação e de serem ferramentas caras, elas também dependem da supervisão e da constante intervenção de um tradutor capacitado para serem operadas. Não por acaso, elas são geralmente classificadas como tecnologias do tipo computer-aided translation, isso é, de tradução auxiliada por computador.

Google tradutor e Bing tradutor: os reis do pedaço

Os tradutores online mais utilizados são controlados por um pequeno número de grandes empresas, dentre as quais se destacam o Google tradutor e o Bing tradutor.

O Google tradutor

O Google tradutor foi lançado em 2006, como um sistema de tradução baseado em estatísticas. Inicialmente foram usados textos das Nações Unidas e do Parlamento Europeu a fim de alimentar o sistema e gerar estatísticas de uso e de tradução de palavras entre diferentes idiomas. Dito de outro modo, esse tipo de tecnologia aprende com as traduções que são feitas nela, e as estatísticas geradas por cada uso influenciam a forma como a ferramenta traduz cada palavra.

Traduzir como todos traduzem

A primeira consequência disso é que esse tipo de ferramenta (sendo esse precisamente o caso do Google tradutor) tende a traduzir cada palavra preferencialmente com o sentido que a maior parte dos usuários atribuem a ela em suas traduções. Assim, se a palavra manga é geralmente traduzida como sleeve, o tradutor online tenderá a traduzir manga como sleeve sempre que essa palavra for mencionada em um texto, mesmo nos casos em que o sentido que se deseja atribuir ao termo seja de mango. Na maior parte dos casos, portanto, o corretor acerta no sentido que ele atribui a cada termo, pois essa atribuição é baseada em estatísticas. Mas em muitos casos o sentido escolhido não reproduz com fidelidade o sentido atribuído pelo autor a esse termo.

Gramática para poucos

Depois, esse tipo de sistema não leva em consideração quaisquer regras gramaticais, pois o elemento determinante na escolha das palavras são as estatísticas de uso. Dito de outro modo, o algoritmo do Google tradutor não é orientado por regras fixas capazes de limitar a escolha das palavras que podem ser usadas em um determinado caso. O que determina qual palavra é escolhida são as estatísticas geradas por outros usuários e or meio da comparação de textos traduzidos.

Tradução indireta

Uma outra particularidade do Google tradutor é que, ao invés de traduzir um texto diretamente para a língua que se quer traduzir, o Google tradutor primeiro traduz o texto original para o inglês, e depois traduz esse texto em inglês para o idioma de destino. Como consequência disso, o Google tradutor funciona melhor do inglês para outros idiomas, mas de maneira um pouco menos efetiva de outros idiomas para o inglês, e de maneira ainda pior entre dois idiomas que não sejam o inglês. Um texto traduzido do português para o francês, por exemplo, é primeiro traduzido do português para o inglês e depois do inglês para o francês. Como toda tradução, por melhor que seja, implica alguma perda de conteúdo, um duplo processo de tradução leva a uma perda dobrada de informações.

Apesar dessas limitações, o Google tradutor é uma das ferramentas mais utilizadas da internet, sendo acessado por mais de quinhentos milhões de pessoas por dia, em todo o mundo. Ele inclui mais de cem idiomas, embora a qualidade das traduções em cada um deles seja variável, afinal elas dependem da geração de estatísticas confiáveis. Consequentemente, as línguas mais utilizadas permitem ao sistema aprender de maneira mais confiável, gerando resultados melhor.

O Microsoft Bing Tradutor, antigo Microsoft tradutor

Um outro peso-pesado do mundo da tradução online é o Microsoft tradutor, anteriormente chamado Bing tradutor. Trata-se de uma ferramenta de tradução concebida pela empresa americana Microsoft, e que encontra aplicações em diversos produtos como a suíte Office e o aplicativo Skype. O Bing tradutor é um típico tradutor do tipo machine translation, e, assim como o Google tradutor, vem implementando inovações a fim de melhorar a efetividade das traduções que produz, notadamente a progressiva integração da tecnologia de tradução por rede neural artificial.

Tradução contextualizada?

Segundo a empresa, essa tecnologia busca reproduzir a maneira como é feita uma tradução por um tradutor humano, tarefa essa que é executada em duas fases. Explicado de maneira simples, primeiro a palavra que deve ser traduzida é avaliada em relação ao seu contexto, isso é, em relação ao restante da frase. Assim, são identificados os possíveis sentidos que essa palavra pode assumir no texto e o programa identifica o sentido mais apropriado no caso em questão. Em um segundo momento, a rede neural traduz a palavra no idioma de destino.

Como no caso do Google tradutor, a tecnologia por detrás do Bing tradutor conheceu avanços importantes nos últimos anos a fim de melhorar sua precisão. Contudo, ela permanece uma tecnologia incompleta e cujos resultados exigem a intervenção constante de um tradutor humano.

Aparência enganosa

Para complicar, esse tipo de tecnologia frequentemente dá ao texto traduzido um aspecto verossímil, isso é, de aparente precisão, mesmo quando essa precisão não se encontra de fato presente. Essa característica, presente em todo tradutor online, exige do tradutor uma maior proficiência nos idiomas e no vocabulário em questão, de maneira a poder identificar imprecisões que passariam despercebidas a um tradutor iniciante.

Por que um tradutor profissional é a melhor opção para documentos e textos importantes?

A tecnologia do tradutor online sem dúvida trouxe ganhos importantes para o usuário de serviços de tradução. Contudo, esse ganho é sobretudo indireto e não concerne a qualidade da tradução ou a facilidade em obtê-la. Pelo contrário, a emergência do tradutor online tem levado à proliferação de traduções de má qualidade. Mais que isso, a difusão do tradutor online tem levado ao seu uso em situações inesperadas. Sem qualquer dúvida, isso tem resultando em erros custosos para o interessado (financeiramente, profissionalmente e pessoalmente).

O principal ganho que as tecnologias de tradução assistida trouxeram ao cliente final é uma redução do tempo que um tradutor profissional leva para traduzir um texto. Isso é, elas propiciaram o aumento da produtividade dos tradutores. Como as tarifas desse tipo de serviço são reguladas pelo mercado, elas levam a traduções profissionais mais baratas e rápidas.

A principal diferença entre as ferramentas utilizadas por tradutores profissionais – tecnologias de tradução auxiliada por computador – e o tradutor online comumente acessível a todos, é que as ferramentas usadas por tradutores especializados são desenvolvidas para auxiliar o tradutor, e não o substituir. Dito de outro modo, esse tipo de ferramenta é concebido para ser operado por um profissional. Ela não busca tomar decisões a respeito da tradução, essa tarefa permanece sob inteira responsabilidade do tradutor humano. Ela busca agilizar o trabalho, oferecendo opções que permitem ao tradutor fazer seu trabalho de maneira mais rápida e prática.

Em busca de um tradutor inglês-português ou francês-português

O cliente em busca de um tradutor qualificado tem à sua disposição uma grande diversidade de profissionais especializados nos mais diferentes setores de atividade e ramos do conhecimento. Embora existam muitos tradutores por aí com pouca experiência e cujo trabalho passa longe de ser bom, sem dúvida existem excelentes profissionais ao alcance de todos.

Se você tem dúvidas a respeito do processo de tradução ou quer conhecer mais a fundo nossos serviços tradutor, acesse nosso website. Lá você poderá ler a respeito dos nossos serviços de tradução inglês – português – francês e contatar um tradutor da nossa equipe.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *